quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Me desespero para encontrar
A forma mais sincera de contar
Como é puro aquilo que sinto
Como amo quem está ao meu lado
Mas não encontro
Ainda não sei expressar totalmente
Aquilo que sente o coração que é teu
E não tenho escrito em muito tempo
Agora que venho as palavras me faltam
Porque o sentimento,
Este sempre esteve no mesmo lugar.
Mas as mãos tremem
Os olhos fraquejam
É difícil falar de amor sem chorar
É difícil te olhar nos olhos
Sem me deixar apaixonar
Conquista é um processo natural
E no teu jeito tem um charme
Você me fascina
Seu sorriso me encanta
E naqueles momentos de tristeza
É o que me trás de volta à alegria
Chego ao ponto em que penso
Que só preciso de amor pra ser feliz
Ainda que boba, sigo em paz
Guardando meu coração puro
E seguro, nas mãos de quem amo

3 comentários:

Amanda disse...

O amor tem disso de confiança e perca de palavras.
E é tão bom. E tão quente.

Rich disse...

I'm here just to say I still keep an eye on your blog.
And you're still lovely.

Good bye, lollipop.

Roberta Albano disse...

Lollipop *.*

Postar um comentário